sexta-feira, 26 de julho de 2013

DEDICAÇÃO À JUVENTUDE É A NOSSA MAIOR ALEGRIA!

Jornada Mundial da Juventude
Visita do Papa Francisco

Copacabana

Cristo Redentor...


Palavras fortes, que com certeza, marcarão o Brasil e o mundo neste ano de 2013. Certamente, muitos brasileiros não faziam ideia do que estava para acontecer no Rio de Janeiro durante estes dias. E agora, estamos todos, no Brasil e no mundo, assistindo a um dos maiores eventos da Igreja Católica.

A XXVIII Jornada Mundial da Juventude, vem dizer para o mundo que o jovem não tem vergonha de declarar abertamente sua fé em Deus, na Igreja, na Comunhão dos Santos; 


Vem dizer também que essa juventude ama o Papa, a ponto de declarar em alta voz: "Esta é a Juventude do Papa"

Essa juventude, vem dizer de sua alegria e entusiasmo por pertencer a uma Igreja e por ter o Papa como o representante de Cristo na terra. 
Impressiona uma juventude que faz barulho, mas que sabe a hora de silenciar;


Uma juventude que enfrenta obstáculos, mas que não perde sua alegria  e entusiasmo, que sabe peregrinar rumo à meta que deseja alcançar, sem se cansar.
Avante, Jovens! Deus espera e conta com vocês!
E como disse nosso querido Papa Francisco:
"Jesus Cristo bota fé em vocês!
A Igreja está com vocês!
O Papa está com vocês!"

E nós Religiosas da Instrução Cristã,
nos fazemos presentes nesta Jornada, de perto, através de nossa companhia junto aos jovens que estão sob os nossos cuidados, através de nossa presença e participação na Feira Vocacional...


Ou de longe, através de nossas orações e unidade por todos! 

quinta-feira, 18 de julho de 2013

Contemplação para alcançar amor

Deus é Amor. Atenção ao verbo: Ele é. Existe. Está. O amor é. O amor está à disposição dos corações abertos para amar. Mas Ele é. Mesmo que algumas ou muitas pessoas prefiram fechar-se a Ele. Não importa, Ele é, E Ele está.
Como ser despertada para o amor?
Posso ser despertada por e para ele, simplesmente através de uma canção que escuto. Sua melodia poderá vir suavemente até mim e dizer-me: o amor é. Pode despertar-me através do sorriso de uma pessoa que sendo idosa no corpo, tem o espírito jovem;ou no sorriso irradiante de uma criança que me faz tremer de encantamento por dentro e por fora. É simplesmente irresistível!
O amor poderá vir a mim através de um “bom dia” ou de um “boa noite”, dito de olhos nos olhos e sorriso nos lábios.

O amor pode vir até mim por meio do inclinar de alguém que quer ouvir-me melhor.
O amor pode vir até mim através de um perdão que eu experimento que dei verdadeiramente, ou que recebi, com direito à reconciliação.
O amor pode vir até mim quando contemplo gestos, atitudes e palavras de Jesus no Evangelho escrito “naquele tempo”, mas que se atualiza no hoje de minha vida, do que sou, de como estou. E cura-me, renova-me no hoje, como no ontem.
O amor poderá vir a mim, ainda, quando olho, admirada a natureza: o sol ou a chuva, o frio ou o calor, a noite ou o dia. E tenho certeza em meu coração, de que a vida é um milagre que explode a cada instante.

O amor, poderá vir a mim quando me sinto gente, humana, divina também, porque sinto o Divino a tocar-me.
O amor vem a mim quando não me vejo só, mas rodeada de pessoas, quer seja a nível físico ou espiritual, desde minha família de sangue, à minha família religiosa, ou amigos que, de perto ou de longe, formam  um cordão comigo, como uma grande ciranda que podemos dançar no mesmo ritmo, levando o amor onde estivermos e dizendo para o mundo que é possível alcançar o amor.


terça-feira, 2 de julho de 2013

UM DIA CHEGOU UM HOMEM...

Um dia chegou um homem...
Um dia chegou um homem.
Tinha calor na voz, encanto nas palavras e fascínio na mensagem.
Um dia chegou um homem.
Havia alegria nos seus olhos, liberdade nos seus gestos e um futuro no seu destino.
Um dia chegou um homem.
Havia esperança nas suas obras, força no seu caráter e lealdade no seu coração
Um dia chegou um homem. 
Havia amor nos seus gestos, bondade nos seus olhares e misericórdia nas suas opções.
Um dia chegou um homem.
Havia um Pai nas suas orações, um confidente nas ansiedades e um Deus no seu grito.
Um dia chegou um homem.
Havia gênio nas suas obras, fidelidade no seu coração e um sentido na sua morte.
Um dia chegou um homem.
Havia um tesouro no seu céu, uma vida na sua morte e uma Ressurreição... na sua tumba.

(A.   Albrecht, Eines Tages Kam Einer)